Qualidade dos pellets de biomassa florestal produzidos em Santa Catarina...


25-03-16 Biomassa

Este estudo objetivou determinar as propriedades físicas, químicas e energéticas de pellets de biomassa residual de Pinus spp. produzidos em Santa Catarina, e realizar a comparação com os parâmetros estabelecidos pelas normas internacionais existentes.

Foram coletadas nove amostras, onde foram determinadas as propriedades de: dimensões dos pellets, densidade aparente e da unidade, teor de umidade, análise imediata, poder calorífico, durabilidade mecânica e teor de finos.

Comparativamente à literatura e aos parâmetros de qualidade das normas: os pellets apresentaram densidade aparente (663,46 kg/m³), densidade da unidade (1711 kg/m³), durabilidade mecânica (99,07%) e poder calorífico superior (20,21 MJ / kg) altos; teor de umidade (7,89%) e de cinzas (0,38%) baixos, indicando boa qualidade dos pellets. Os pellets apresentaram alto teor de finos (1,05%), como característica negativa. Tiveram diâmetro de 6,58 mm; comprimento de 17,31 mm; teor de materiais voláteis de 81,29% e carbono fixo de 18,33%. Os valores médios das propriedades dos pellets atenderam plenamente as normas alemã (DIN Plus) e austríaca (Önorm M7135) e as classes G2 e G3 da suéca (SS 187120), e as classes I1, I2 e I3 da ISO (17225-2), podendo ser usados no setor de serviços e indústrias.

Baixar Artigo Completo

Vídeos

Ver Mais
  • Abertura Expoforest 2018
    Abertura Expoforest 2018
  • Forest Class Cursos Online
    Forest Class Cursos Online
  • A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
    A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
  • Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…
    Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…