Projeto inovador de biodigestor é desenvolvido em frigorífico

Projeto inovador de biodigestor é desenvolvido em frigorífico


14-12-15 Biogás

O frigorífico Cowpig, instalado em uma propriedade de 250 hectares, na cidade de Boituva, interior de São Paulo, e reconhecido pelos cortes diferenciados para um público seleto, investe em nova tecnologia com a adoção de um biodigestor revestido com Cipageo®, geomembranas de PVC produzidas pela fabricante de revestimentos sintéticos de Cerquilho/SP, a Cipatex®. Idealizado pelos irmãos Sebatiani, fundadores do Cowpig, o projeto é inovador ao reduzir impactos ambientais, possibilitar 20% a mais em geração de biogás e reduzir gastos com a manutenção do equipamento em cerca de 50%. Enquanto o biodigestor tradicional recebe apenas restos de alimentos e dejetos dos animais, o instalado no Cowpig, além destes resíduos, também faz o tratamento das águas das linhas verde e vermelha do frigorífico, que estão relacionadas à lavagem das vísceras, rúmen e sangue de bovinos, suínos, ovinos e búfalos. Outro diferencial é a estrutura interna que conta com bombas e encanamentos para evitar o acúmulo de sólidos no fundo do equipamento, evitando manutenção frequente.

O equipamento tem 50 metros de comprimento, 17 metros de largura e 5 metros de profundidade. O biodigestor é uma câmara totalmente fechada, onde os resíduos dos animais entram em um processo de fermentação anaeróbia. Dessa forma, é possível reaproveitar detritos para gerar adubo e gás, também chamados de biofertilizantes e biogás. O gás pode ser utilizado como fonte de energia. Com a estrutura interna utilizada no equipamento do Cowpig a geração de biogás consegue ser ainda mais eficiente. Devido à função de agitação, o sistema produz cerca de 20% a mais de biogás em comparação ao biodigestor tradicional. O biogás proveniente do equipamento com Cipageo® é utilizado para alimentar as caldeiras e produzir vapor para o abatedouro do Cowpig. A instalação do biodigestor garante à propriedade uma economia entre R$ 20 e 30 mil por mês com energia. Nos últimos anos, o biodigestor vem sendo cada vez mais adotado no Brasil. De acordo com Valmir Pilon, diretor industrial da Cipatex, a adoção do equipamento representa grande melhoria à natureza, aos criadores, abatedouros e frigoríficos. Ele destaca que o projeto do equipamento que permite receber resíduos das linhas verde e vermelha representa um grande avanço no que diz respeito ao meio ambiente, ao evitar a contaminação do solo, lençol freático e afluentes, além de reduzir emissão de gases nocivos na atmosfera.

Instalação

A instalação é feita em três etapas que envolvem a construção civil, revestimento e cobertura. O tempo de instalação depende do tamanho e da capacidade do frigorífico. Segundo o empresário Fábio Marques Barretta, da Plaslonas, fabricante de biodigestores, o processo no Cowpig com Cipageo® levou cerca de 60 dias.

As geomembranas de PVC são instaladas de forma prática, o que resulta na queda do custo de mão-de-obra e equipamentos. Basta escavar o terreno na dimensão desejada e fazer uma viga de ancoragem ao redor do local. Como o Cipageo® vem pré-confeccionado, é necessário somente estendê-lo e fixar suas bordas na viga externa. Após o revestimento, é preciso aguardar que os dejetos lançados no equipamento atinjam um determinado nível para dar início à instalação da cobertura, também realizada com geomembranas. Assessoria de imprensa.

Canal - Jornal da Bioenergia

CONFIRA TAMBÉM...


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ver Mais

Vídeos

Ver Mais
  • Abertura Expoforest 2018
    Abertura Expoforest 2018
  • Forest Class Cursos Online
    Forest Class Cursos Online
  • A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
    A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
  • Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…
    Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…