Quantidade de cana-de-açúcar processada cai na primeira quinzena de setembro

Quantidade de cana-de-açúcar processada cai na primeira quinzena de setembro


30-09-15 Biomassa

A quantidade de cana-de-açúcar processada na primeira quinzena de setembro atingiu 29,58 milhões de toneladas, representando queda de 25,93% em relação ao mesmo período de 2014 (39,93 milhões de toneladas) e de 37,39% na comparação com o volume moído na segunda metade de agosto deste ano (47,24 milhões de toneladas). A redução da colheita é reflexo das chuvas nas principais regiões produtoras.

No acumulado do início da safra 2015/2016 até 15 de setembro, a moagem alcançou 403,81 milhões de toneladas, contra 412,62 milhões de toneladas registradas na mesma data da safra anterior, de acordo com dados divulgados hoje (24) pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

Diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues informou que o volume final de cana-de-açúcar a ser processado na safra 2015/2016 dependerá do ritmo de moagem observado no estado nos próximos meses, porque, segundo ele, a moagem está bastante atrasada. "A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas unidades paulistas até o momento está 20 milhões de toneladas aquém do índice verificado na safra 2014/2015."

A quantidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana-de-açúcar processada atingiu 149,26 kg nos primeiros 15 dias de setembro, ante 145,92 kg registrados na segunda metade de agosto e 149,64 kg na mesma quinzena da safra 2014/2015. No acumulado do início da moagem em 2015/2016 até 15 de setembro, o teor de ATR por tonelada de matéria-prima totalizou 130,9 kg, contra 134,48 kg apurados em igual período do ano passado.

A produção de açúcar nos primeiros 15 dias do mês atingiu 1,68 milhão de toneladas (-32,73%) em relação às 2,5 milhões de toneladas produzidas em 2014. A produção de etanol alcançou 1,56 bilhão de litros na quinzena, dos quais 597,66 milhões de etanol anidro e 959,08 milhões de hidratado.

No acumulado do início da safra até 15 de setembro, a produção de açúcar chegou a 20,89 milhões de toneladas, com queda de 10,92% no comparativo com a safra 2014/2015. A produção de etanol totalizou 18,21 bilhões de litros, alta de 0,54% no comparativo com a safra anterior, dos quais 6,69 bilhões de litros foram de etanol anidro e 11,52 bilhões de litros de etanol hidratado, que teve alta de 11,25% na produção até 15 de setembro de 2015, comparado ao mesmo período da safra de 2014/2015.

As vendas de etanol atingiram 1,24 bilhão de litros, com crescimento de 19,65% em relação ao montante vendido na mesma quinzena de 2014. Deste total comercializado nos primeiros 15 dias de setembro, 72,12 milhões de litros direcionaram-se à exportação e 1,17 bilhão de litros ao mercado doméstico.

O volume de etanol hidratado comercializado no mercado interno somou 767,45 milhões de litros na primeira metade de setembro deste ano, frente a 560,47 milhões de litros registrados no mesmo período da safra 2014/2015 (+36,93%). As vendas internas de etanol anidro totalizaram 404,15 milhões de litros na primeira quinzena de setembro, contra 423,72 milhões de litros apurados no mesmo período de 2014.

 

Agência Brasil

CONFIRA TAMBÉM...


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ver Mais

Vídeos

Ver Mais
  • Abertura Expoforest 2018
    Abertura Expoforest 2018
  • Forest Class Cursos Online
    Forest Class Cursos Online
  • A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
    A Tractebel Energia é a maior geradora privada de energia…
  • Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…
    Produzir e comercializar produtos com alta tecnologia…